O DIRETÓRIO INDUSTRIAL
Contacte diretamente com as empresas

Mudanças internacionais

  • São o fundamento da nossa atividade. Saídas quinzenais e as nossas voltas são bastante abrangentes para a Europa.

Informação detalhada sobre Mudanças internacionais

As mudanças internacionais são o fundamento da nossa atividade. As saídas são quinzenais, à 2ª feira, e as nossas voltas são bastante abrangentes para a Europa.

Levamos pequenas encomendas com cobrança mínima de 2 m3, e depois com frações de m3, até ao volume que seja necessário.

As nossas viaturas estão equipadas com contentores fechados amovíveis que oferecem um elevado grau de segurança, no transporte e proteção dos seus bens.

Trabalhamos diariamente com o intuito de conseguir sempre satisfazer os pedidos dos clientes da melhor e mais rápida forma possível.

As nossas viaturas são de ultima geração com baixas emissões de partículas.

Com esta operação, a empresa reforça a sua aposta nos veículos equipados com motor que cumprem todas as exigências da norma Euro V, diretiva comunitária referente às emissões de gases com efeito de estufa.

Estes motores possibilitam uma redução das emissões de oxido de nitrogénio em 60% e a emissão de partículas em 80%, através de uma maior eficácia do sistema de combustão.

Com estes novos veículos, em 2011, 98% da frota da Tgra5, cumpria os requisitos desta norma, contra os 70% em 2010.

Escolher-nos é encontrar uma solução personalizada para qualquer que seja o seu transporte de mudanças para toda a Europa e resto do Mundo.

Documentação necessária para mudanças Internacionais:​​​​​​​​​​ Nas mudanças dentro da Europa não há necessidade de qualquer documentação especial, excepto Suiça.

Há que ter em atenção se no sítio de destino é possível ir um camião à porta, se é ou não necessário autorização da policia e se no prédio (sendo o caso) tem restrições a mudanças efetuadas pela escada (só elevador exterior), sendo esta situação muito normal no Benelux e Alemanha.

Nas mudanças Internacionais, Suíça e parte do Leste Europeu e fora da Europa em que o ponto de partida seja Portugal é necessário:

  • Cópia do passaporte,
  • NIF (nº de contribuinte),
  • Cópia da reserva ou do bilhete de avião,
  • Cópia do CPF (nº de contribuinte brasileiros),
  • Autorização de residência,
  • BI,
  • Lista com descrição do conteúdo das caixas e de todos os outros bens, com a identificação completa, morada completa de Portugal e do país de destino, com o valor total dos bens, peso aproximado (mais cem menos cem não é importante) e devidamente assinada, com a lista ir à Junta de Freguesia da área de residência e solicitar um atestado de mudança, depois passar no consulado do país de destino e reconhecer (para o Brasil não é necessário),
  • Cópia de algum documento oficial do país de destino.

No caso de regresso a Portugal é necessário todo o referido e no consulado português tem de se pedir um Certificado de Bagagem, a falta dele origina Impostos Alfandegários.

Outros produtos da empresa

.P-CTU-1584368